O USO DE FLORAIS DE BACH PARA CONTER A ANSIEDADE NA CADEIRA DO DENTISTA

Quando entrei na Faculdade de Odontologia, pretendia ser Odontopediatra, cuidar dos “baixinhos”. Porém, logo nos primeiros anos de formada me deparei com a dura realidade. Uma especialidade tão desvalorizada perto da sua real importância. Fiz alguns cursos de atualização em odontopediatria e não gostava dos métodos de contenção utilizados para manter as crianças imóveis para realizar o tratamento ou das técnicas intimidantes que colocavam medo até na gente. Definitivamente, não era o caminho que eu queria seguir. Mais tarde, e com a experiência e muita observação, notei adultos profundamente traumatizados com a cadeira do dentista. A ponto de simplesmente deixar a saúde bucal ficar em estado de calamidade.
Foi aí que a Humanização passou a fazer parte da rotina do dia a dia do meu Continue lendo

REIKI E HUMANIZAÇÃO ALIADOS NO AUXÍLIO PARA QUEM TEM MEDO DE DENTISTA

zahnreinigung-1514693_960_720
Olá amigo,

Neste post venho trazer um relato da Dra. Eliane Zeni, que é cirurgiã-dentista e aluna do curso de Odontologia Humanizada. Após seu relato sobre este caso em nosso grupo de estudos, pedi a ela que colocasse em palavras como foi sua experiência com a utilização de terapias complementares, no auxilio do tratamento para pacientes ansiosos ou com medo. Leia a seguir, o que ela tem para nos contar:

” Atendi em um domingo uma paciente que havia quebrado uma restauração em um dente anterior. Ela levou junto sua filha, que ficou esperando durante o atendimento. O curioso é que a filha não queria ir junto, recém tinham Continue lendo

ADEUS CHUPETA!

Imagem

Neste post quero mostrar, que a importância da Odontologia vai além de “remover dor e tapar buracos”. A saúde começa pela boca. É lá que toda engrenagem do sistema digestivo humano começa a funcionar, bem como um simples sorriso, pode mudar completamente o dia de uma pessoa.
Ainda mais no caso da Odontopediatria, especialidade muitas vezes não tão valorizada quanto merece, pois muitos pais ainda acreditam que dentinhos de leite ou decíduos, como também são chamados, não merecem consideração. Crianças com dor e mordida incorreta, não mastigam direito e podem ter problemas sérios em seu estômago e intestino. Sem contar as dificuldades de socialização e fala nos primeiros anos escolares Continue lendo

Cuide-se com amor

hand-1527793_960_720

Quando pegamos um avião, antes da decolagem a tripulação costuma passar alguns recados.Um deles é: Em caso de despressurização cairão máscaras de oxigênio do teto e se tiver alguém ao seu lado que seja incapaz de colocá-la sozinho, coloque em você primeiro para depois colocar no outro passageiro. Isso é uma lógica, é uma sabedoria que nem sempre utilizamos na nossa vida, e só depois de um tempo é que você percebe que está sobrecarregado por ter se dedicado tanto às pessoas e não ter recebeu nada em troca. Porque, na verdade a pessoa que mais tem que te dar algo a você, é você mesmo.
A própria Bíblia tem uma palavra, que diz: ”Amai a Deus sobre todas as coisas e Continue lendo

O USO DE FLORAIS DE BACH EM ODONTOLOGIA

florais-de-bach-para-curar-se-1

O uso de terapias alternativas é umas das premissas da Odonto Humanizada.
Hoje venho falar um pouco sobre os Florais de Bach, que pode ser um grande aliado na hora de você realizar um tratamento dentário em algum paciente muito ansioso ou realmente apavorado, inclusive sendo muito útil no atendimento às crianças.
Dentro das essências florais algumas são dedicadas exclusivamente ao combate ao medo.
Por mais que eles não ofereçam tantos riscos, ainda é aconselhado que haja orientação profissional em seu uso e na escolha de qual tipo de floral utilizar.
No vídeo abaixo, faço uma entrevista com a Terapeuta Naturopata Edilaine Gomes Sellan, onde ela explica sobre Florais e passa uma receita Continue lendo

Quando as dificuldades começam a atrapalhar a conquista dos seus objetivos

kayaking-1149886_1920

Moro em uma cidade praiana e portanto, lotada neste carnaval. Hoje, sai logo cedo para dar uma remada, enquanto o congestionamento (até no mar), tornasse impossível a prática de algum exercício ao ar livre. Apesar de ser um canal, o mar estava mais agitado do que o normal, mas na ida, digamos assim, estava remando a favor da maré. Estava tudo tão lindo e perfeito. Céu azul, barulhinho do mar, tartarugas nadando, que maravilha. Na volta, tudo mudou de figura. Tive que literalmente remar contra a maré e comecei a “viajar” , na minha nova mindset.Como estava difícil chegar até onde eu tinha que chegar, tive que pensar em estratégias para não bater nas pedras, e remar o Continue lendo

Aprenda a viver o AGORA

Ficar em comunhão com a vida é ficar em comunhão com o momento presente, porque é o único lugar que a vida é encontrada!
Por isso, você não precisa ter pensamentos na sua mente o tempo inteiro para que as coisas aconteçam!

Aquela cobrança interna que parece nunca cessar.
Um pensamento pode obscurecer a presença da vida nesse momento. Lutar consigo mesmo é a tarefa mais difícil que encontramos na vida, pois sabemos melhor do que ninguém, todas as formas e táticas de nos fazer parar. Isso se chama auto sabotagem.

Mas você pode se perguntar: Por que eu me sabotaria? Por que desejaria o Continue lendo

Por que uso copo descartável em meu consultório?

Nas últimas duas décadas, o copo descartável passou a ser amplamente consumido nas empresas devido à praticidade, higiene e preço baixo. Este uso diário representa um problema a mais para o meio ambiente.

POR QUE USAMOS COPO DE VIDRO AO INVÉS DO DESCARTÁVEL ?

• O plástico não é um material biodegradável, portanto, é poluidor do meio ambiente;
• Demora em média 200 anos para se decompor;
• Sua vida útil é muito pequena, às vezes chega a durar 13 segundos após sair do display;
• Estão em números cada vez maiores nos aterros sanitários;
• Sua produção utiliza muita água e energia elétrica;
• O plástico provém do petróleo (fonte não renovável que demora anos para se formar);
• Há grande impacto ambiental na extração do petróleo;
• O poliestireno do copo descartável em contato com bebidas quentes libera o estireno, que é um monômero tóxico apontado com cancerígeno;
• Na produção do copo descartável a participação do poliestireno reciclado é mínima, desta forma todo copo descartável utiliza matéria-prima extrativa e não sustentável;
• Sua reciclagem consome muita água, além de ser muito trabalhosa e pouco viável.
Continue lendo